Casa de Criadores Verão 2018 | Projeto Lab (ACRVO, Caroline Funke, Senplo), Diego Fávaro, Rafael Caetano e Alec Kazuo

Casa de Criadores Verão 2018 | Projeto Lab (ACRVO, Caroline Funke, Senplo), Diego Fávaro, Rafael Caetano e Alec Kazuo

O terceiro dia da Casa de Criadores foi bem movimentado, com desfiles poderosos como o do Diego Fávaro, e grandes revelações no Projeto Lab como a rebelde marca ACRVO, a pegada creppy de Caroline Funke e a alfaiataria minimalista da Senplo.

Projeto Lab

A ACRVO trouxe sua vibe aluno rebelde para o Projeto Lab, onde os modelos desfilavam peças com estampas de linhas de cadernos cheios de atitude e muita rebeldia. Um incrível abertura saudosista para o terceiro dia de evento.

Caroline Funke veio com uma pegada creepy para a passarela da Casa de Criadores no Projeto Lab, com peças coloridas e modelos com maquiagens artísticas.

A Senplo trouxe uma alfaiataria minimalista para o Projeto Lab, com peças seguras e estilosas para o homem moderno. Com uma cartela de cores fechadas no preto e branco o estilista preza pelo minimal.

 

Diego Fávaro

S.O.S! HELP! Diego Fávaro faz um pedido de socorro em nova coleção apresentada na vigésima edição da Casa de Criadores com sua coleção. O estilista que vem conquistando cada vez mais o público fashionista – inclusive no mercado internacional – trouxe uma coleção que teve como inspiração sua própria dor. O cara passou por uns problemas sérios de depressão em alguns momentos de sua vida, e resolver transformar esse tormento em algo criativo, que resultou nesta coleção incrível.

As peças vêm estampadas com palavras como Help, Save Me e Mayday em letras bem chamativas. Além disso, o cara ainda traz uma linha de camisetas de time, que teve como inspiração o bulling que ele sofria na época de escola, por nunca ser escolhido para jogar nos times esportivos por ser o – como ele mesmo me falou – “o viadinho da turma”.

 

Rafael Caetano

Rafael Caetano deu um mergulho de cabeça no mundo das drags e traz uma coleção bem colorida e cheia de estampas para esta edição da Casa de Criadores. A linha traz referências do universo kinky das drags inseridas nas categorias de baile, no final da década de 1980, como nos documentários Paris is Burning e How I Do, que também serviram de fonte de inspiração. E a estamparia vem bastante diferente das coleções anteriores do estilista, com peças mais coloridas e desenhadas, além de materiais mais populares que jamais pensaria em usar, como o paetê e velboa.

 

Alec Kazuo

O estilista minimalista Alec Kazuo trouxe uma linha monocromática com grandes influências orientais para sua coleção na Casa de Criadores. Com peças bem características da inspiração, como camisas transpassadas e calças com faixas que lembravam um quimono. Outro detalhe que vale ressaltar é a utilização de sandálias que faziam um som inquietante que deu todo o diferencial na apresentação da coleção.

Fotos: Marcelo Soubhia/FOTOSITE

Author

Fabiano Gomes

Fabiano Gomes Editor-Responsável

Formado em Biblioteconomia e Ciência da Informação (UNIRIO) atuou como bibliotecário até o seu limite. Cansado de buscar informação relevante de Moda Masculina em blogs e sites brasileiros, decidiu criar O Cara Fashion para suprir a própria necessidade.

Related