Max Lemari traz loafers de Luxo Personalizados

Max Lemari traz loafers de Luxo Personalizados

Ter uma peça única é o desejo da maioria dos fashionistas, pois nos dias de hoje a exclusividade é algo que se busca constantemente no mundo da moda. Porém ter essa façanha de uma marca pode ser algo não muito barato, ainda mais quando o produto é de luxo. Pensando nisso, uns caras italianos com mais de 40 anos de experiência no mercado de calçados de luxo, trabalhando para marcas como Dior, Burberry, Versace, Valentino, Gucci e muitas outras, decidiram criar uma marca de loafers de luxo customizáveis por um preço mais acessível do que se encontra no mercado.

“Eu trabalhei toda minha vida na moda italiana. Finalmente encontrei coragem para mudar, e assim fundei a Max Lemari. Eu quero as pessoas tenham a melhor qualidade do mundo por um preço justo, sem ter que pagar 1000, então eu decidi iniciar a campanha no Kickstarter para loafers de luxo customizáveis.” Massimo Guidi, CEO.

A Max Lemari é uma startup italiana que acaba de lançar no Kickstarter esse projeto para criação da marca da linha de sapatos de luxo customizáveis, onde será possível além de escolher a cor, material e o design dos sapatos, você poderá também ter um suas iniciais gravadas nos mesmo, deixando seus sapatos mais do que exclusivos. A sua produção será direto na Itália, trabalhados à mão com os melhores artesões do país. Serão oferecidas quatro opções de couro, com o Buttuta, Rivoltato, Saffiano e o exclusivo Cavallino.

E o melhor é que eles entregam no mundo todo ao final de 30 dias após a campanha – que começa hoje (15) – encerrar, ou seja, você comprar sem problemas aqui no Brasil através do Kickstarter e recebe rapidinho, que tem o preço inicial de €185,muito mais baratos do que os sapatos de luxo nessa linha, que custam em média €600.

Então se você ficou interessado corre no Kickstarter (clicando aqui) da marca para conhecer melhor e já encomendar o seu par. Eu já quero o meu.

Author

Fabiano Gomes

Fabiano Gomes Editor-Responsável

Formado em Biblioteconomia e Ciência da Informação (UNIRIO) atuou como bibliotecário até o seu limite. Cansado de buscar informação relevante de Moda Masculina em blogs e sites brasileiros, decidiu criar O Cara Fashion para suprir a própria necessidade.

Related