Três dicas importantes para os Cabelos Cacheados

Três dicas importantes para os Cabelos Cacheados

Cabelos cacheados e naturais estão em alta, cada vez mais homens estão deixando seus fios crescerem soltos e sem produtos químicos. Mas os cuidados com esse tipo de cabelo deve ser redobrado, pois a manutenção tem de ser constante. E para nos ajudar com esses cuidados, os especialistas em cachos há mais de 20anos,  Wilson Farias e Willie Mitchel trazem três dicas importantes, confira só.

  • Bem penteado – Wilson Farias afirma que os cabelos afros são finos, sensíveis, quebram e embaraçam facilmente e precisam ser penteados com cautela. A arrumação deve começar pelas pontas e terminar na raiz;

  • Lave e hidrate na medida certa – Lavar os fios ao menos dois dias por semana e hidrata-los a cada 15 dias é a recomendação de Willie Mitchel, que, ainda, indica a realização de uma reconstrução capilar todos os meses;

  • Finalização – Leave-in, cremes umidificantes e ativadores de cachos, cuja composição contenha protetor solar é de suma importância.

Os profissionais

Wilson Farias – com 20 anos de carreira, ele possui formação em visagismo, tricologia e cosmetologia. Sempre atuou com cabelos crespos, cacheados e étnicos, sendo técnico de marcas internacionais como Avlon, Revlon Professional, Luster e Sumit. É especialista em cortes femininos usando o visagismo e técnicas de finalização, além de ministrar cursos para profissionais da área e comanda o salão Etnic, na Zona Norte da Capital Paulista.
Willie Mitchel – Hair Stylist desde 1990 é dedicado ao desenvolvimento de técnicas de corte, penteados, visagismo, coloração, entre outros, aos públicos masculino e feminino. Formado em visagismo e atuante como incentivador das novas gerações nos cuidados com os fios crespos e cacheados, ministra cursos para jovens profissionais. Técnico de várias marcas, hoje atua na Zona Norte de São Paulo, no Studio W. Mitchel.

#SurraDeCachos

Author

Fabiano Gomes

Fabiano Gomes Editor-Responsável

Formado em Biblioteconomia e Ciência da Informação (UNIRIO) atuou como bibliotecário até o seu limite. Cansado de buscar informação relevante de Moda Masculina em blogs e sites brasileiros, decidiu criar O Cara Fashion para suprir a própria necessidade.

Related